Notícias
Campanha Salarial
21 de Fevereiro de 2019
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
TRT dá prazo de 12 dias para tentativa de conciliação entre Sindpd e Seprosp
Tribunal determinou a reabertura das negociações da CCT 2019; sindicatos apresentarão suas propostas para a análise do dissídio coletivo



Na audiência entre Sindpd e Seprosp no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª região, realizada nesta quarta-feira, 21, o desembargador Rafael Pugliese Ribeiro reabriu as negociações da Convenção Coletiva de Trabalho 2019 e deu prazo de 12 dias para que ambas as partes apresentem ao TRT suas pautas.

Pugliese Ribeiro determinou que as cláusulas de consenso entre as partes serão homologadas e a aquelas sem acordo irão a julgamento pelo Tribunal; na audiência desta quarta, o chamado "procedimento pré-processual" foi convertido em dissídio coletivo.

Após a paralisação das negociações da CCT, no último dia 5, o Sindpd acionou o sindicato patronal junto ao Tribunal para a realização de audiência de tentativa de conciliação, pedido acatado pelo TRT.

O Sindpd divulgará os próximos passos do dissídio coletivo assim que houver a manifestação do Tribunal. Acompanhe pelo site.

Relembre a cobertura da negociação.

Sindpd aciona Seprosp no Tribunal Regional do Trabalho

Patrões se negam a negociar para rasgar Convenção Coletiva, aplicar lei rasa e pagar menos

Patrões desistem de reduzir horário de almoço, mas mantêm reajuste abaixo da inflação

Empresários querem meia hora de almoço para trabalhadores de TI

1ª rodada frustrante cria impasse na negociação da CCT 2019

Compartilhe

LEIA TAMBÉM