Notícias
Jurídico
20 de Agosto de 2019
Tamanho da letra Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir
Sindpd ingressará na Justiça contra corte do fretado na Prodesp
Com mudanças agendadas para o dia 1º de setembro, o trajeto dos ônibus será apenas entre empresa e estações de metrô.



A Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp) anunciou mudanças no serviço de fretados. A atividade irá cobrir apenas o percurso entre empresa e as principais estações de metrô, o que se diferencia do trajeto tradicional, que se estende do local de trabalho à residência do funcionário.

A mudança irá atingir, entre terceirizados e contratados diretos, 820 trabalhadores e pode impactar negativamente suas rotinas, como diz Pedro Saldanha, o Diretor do Sindpd: "Muitos funcionários demoram mais de 3 horas para chegar ao serviço. Trajetos tão longos, em um transporte público geralmente lotado, fará com que eles já cheguem cansados no trabalho, o que é prejudicial até mesmo para empresa".

O direito ao fretado, que existe desde 1978, começou quando a Prodesp se transferiu do centro de São Paulo para Taboão da Serra, região de difícil acesso para muitos.

De acordo com o coordenador jurídico do Sindpd, Dr. José Eduardo Furlanetto, o que ocorre é uma "violação de direito adquirido".

Dessa forma, o departamento jurídico do sindicato estuda entrar com uma ação cautelar contra a medida, que entrará em vigor no dia 1º de setembro.

A diretoria da Prodesp justificou a medida alegando corte de gastos.





Compartilhe

LEIA TAMBÉM

Sindpd com VC: Associe-se ao Sindpd e conheça todos os benefícios
Dataprev
Conheça o Sindpd Digital
PESQUISAR BENEFÍCIO

Área ou segmento


Tipo

Categoria

Cidade



Buscar
Reservas de colônias


NOTÍCIAS MAIS...

O Sindpd está no Instagram
Colônia de Férias

Últimas do Convergência Digital


Últimas do IDG NOW

Facebook do Neto

Zap Neto
Zap Neto

CSB Zap
CSB Zap
Homenagens - mulher
Homenagens - 75

HOMENAGENS
HOMENAGENS

FGTS
FGTS