• RSS
Campanha Salarial

São Paulo, 28 de Janeiro, de 2013

Tamanho
da letra

Imprimir Diminuir Fonte Aumentar Fonte

4ª rodada da negociação salarial acontece nesta terça (29)

Aumento de salário, VR e PLR para todos são as principais reivindicações


4ª rodada da negociação salarial acontece nesta terça (29)

 

A negociação salarial 2013, iniciada em 14 de janeiro, terá sua 4ª rodada nesta terça-feira (29), às 16h, na sede do Seprosp. A discussão evoluiu em alguns pontos após as primeiras reuniões, porém as solicitações dos trabalhadores ainda não foram atendidas quanto ao reajuste salarial, licença-maternidade, pisos salariais, vale-refeição (VR) e programa de Participação nos Lucros e Resultados (PLR).

"Avançamos em algumas cláusulas, mas diversos pontos ainda precisam ser discutidos. Reforçamos a licença-maternidade de 180 dias, PLR para empresas com mais de 30 funcionários, aumento no VR para 13 reais e a eleição de delegados sindicais, sendo um representante em companhias com mais de 200 trabalhadores e dois em empresas com mais de mil empregados", afirmou Antonio Neto, presidente do Sindpd. 

Após as negociações iniciais, o patronato aumentou sua proposta de reajuste salarial de 6,5% para 7%, índice considerado insuficiente pelo Sindpd. "Crescemos 10% em 2012 e acreditamos que a área vai se expandir ainda mais rápido em 2013, quando a economia começará a sentir de forma mais ampla os efeitos das medidas que foram, e continuam sendo, adotadas pelo governo. Por isso o reajuste deve ser maior, de no mínimo 8% no geral e 10% nos pisos, e o conjunto de benefícios precisa ser melhorado", reforçou Neto. 

O sindicato patronal já aceitou parcialmente as reivindicações dos trabalhadores para tornar obrigatória a apresentação, publicação e divulgação de política de reembolso por quilometragem e o aumento do auxílio-creche de 30% para 35% do salário normativo, para crianças com até 24 meses, e de 20% para 25%, para os filhos que tenham de 24 a 60 meses. Em relação à estabilidade de aposentadoria, determinou-se uma diminuição de sete anos de serviço para seis na empresa para ter direito ao benefício.

 
Confira o resumo da negociação.
Principais reivindicações do Sindpd:
- Aumento salarial linear de 8%;
- Aumento de 10% nos pisos;
- Obrigatoriedade de PLR para empresas com 30 ou mais funcionários, abrangendo todas em 2014;
- Pagamento de Vale-refeição de R$13 (valor líquido) por dia para empresas com 30 ou mais funcionários, regra que também valeria para todas em 2014; Aumento de 10% do Vale-refeição para empresas que pagam mais de R$13 diários;
- Inclusão de dez novos pisos salariais, abrangendo cargos como aprendiz de função técnica, programadores e analistas de sistemas;
- Licença-maternidade de 180 dias;
- Reembolso de quilometragem.
 
Proposta do Seprosp:
- Reajuste salarial de 7%;
- Aumento de 7% nos pisos;
- Garantia ao empregado em vias de aposentaria que tiver seis anos na mesma empresa;
- Obrigatoriedade de apresentação de política de viagens;
- Obrigatoriedade de apresentação de políticas de reembolso de quilometragem;
- Reajuste do auxílio-creche de 30% para 35% do salário normativo, para crianças com até 24 meses, e de 20% para 25%, para os filhos que tenham de 24 a 60 meses;
- Aumento de 10% no vale-refeição, restringidas às empresas com mais de 50 funcionários;
- Obrigatoriedade de apresentação de proposta de PLR para empresas com mais de 50 funcionários. 


Compartilhar
  • Mostrar ou Ocultar Redes Sociais
  • Logo Sindpd - Clique para voltar à home
  • Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados e
    Tecnologia da Informação do Estado de São Paulo

    Avenida Angélica, 35 - Santa Cecília, São Paulo, SP - CEP 01227-000
    Tel. (11) 3823-5600
    Desenvolvido por Estúdio Saci & Tetrasoft